Monthly Archives: Janeiro 2014

Imprensa regional faz “ciberjornalismo de transposição”

“O percurso do ciberjornalismo de proximidade em Portugal é marcado por práticas primitivas, assentes na transposição de conteúdos do meio tradicional; as notícias são o principal conteúdo publicado; a presença da hipertextualidade, multimedialidade e interatividade é residual ou inexistente; e a cultura de produção para o meio tradicional, os recursos humanos e o tempo são os principais fatores que determinam as rotinas de produção de notícias online.”

São estas as principais conclusões da tese de doutoramento “Ciberjornalismo de proximidade: A construção de notícias online na imprensa regional em Portugal”, que o autor destas linhas defendeu esta tarde.

Primeiramente, Pedro Jerónimo começou por olhar para realidade geral dos 175 jornais regionais – periodicidade de diária a semanal – com presença online activa que encontrou, ao qual se seguiu um estudo etnográfico nas redacções dos semanários Região de Leiria, Reconquista e O Mirante.

Para o autor, “a Internet é cada vez mais usada na imprensa regional, porém, em rotinas relacionadas com a pesquisa e a comunicação”. Estas práticas, que decorrem também de uma maior profissionalização das fontes de informação, designadamente institucionais, levam a que os jornalistas estejam “em parte, cada vez mais fixos à secretária”.

Mais informações em entrevista n’O Mirante.

Anúncios

Imprensa regional com queda menor que a nacional

A circulação da imprensa regional caiu, em média, 3,3%, de 2012 para 2013 – nesta análise não se consideram os meses de Novembro e Dezembro, devido ao facto dos dados referentes ao último ano ainda não estarem disponíveis no site da Associação Portuguesa de Controlo de Tiragem.

Embora a imprensa registe quedas na circulação, ano após ano, a realidade é que os valores referentes à de proximidade são inferiores aqueles que a designada de nacional apresenta no mesmo período.

Diários regionais: -3,9% (média)
Diários nacionais: -28% (média)

Semanários regionais: -2,5% (média)
Semanários nacionais: -6,3% (média)

“Audiência dos diários generalistas cai para 28%” (Público)

Entre as 12 publicações regionais que foram auditadas durante os dois anos analisados, o Diário de Coimbra (-8,5%) é o que regista a maior diferença, seguido pelo Diário de Notícias da Madeira (-6,1%).

Há, porém, excepções. Região de Leiria (+5,6%) e Diário de Aveiro (+2,4%) são os únicos a registar um aumento da circulação, de 2012 para 2013, algo que já se verificava em anos anteriores.

Descarregar dados comparativos 2012-2013.